Recent

Coruripe não consegue vencer o Juventude e está fora da Copa do Brasil


No duelo de alviverdes, o time alagoano que só tinha a vitória como passaporte está fora segunda fase da Copa do Brasil. O Coruripe teve as melhores chances de gol, nesta tarde, no estádio Gerson Amaral, porém, o empate em zero a zero beneficiou o Juventude, que segue na competição nacional. Além de não garantir a classificação, o Hulk deixou de ganhar uma cota de R$ 650 mil. Agora, o foco volta para o Campeonato Estadual onde o time ainda não conseguiu vencer em duas rodadas.

Primeiro tempo

Na primeira etapa os times tiveram poucas chances de abrir o marcador. A primeira chance do Hulk foi aos 5 minutos, com o atacante André, que perdeu boa chance. O Juventude só respondeu aos 45', quando Bruno Alves cruzou rasteiro, a bola passou pela defesa praiana e Samuel Santos não conseguiu chegar. Aos 46 minutos, Lázaro chutou forte com a bola passando perto do travessão do goleiro Carné. Final do primeiro tempo 0 a 0.

Segundo tempo

Na segunda etapa, o Coruripe criou as melhores oportunidades com Jonas, Ícaro, e Everson, que estiveram muito próximos de abrir o marcador. Já para o time gaúcho, apenas Renato Cajá, por pouco, não marcou para os alviverdes da serra. Com a vitória como o único resultado que lhe favorecia, o Coruripe foi mais ao ataque e procurou o gol de todas as formas, mas o 0 a 0 insistiu até o final. Jogadores do Juventude caiam a todo o momento retardando o andamento do jogo, uma das formas usadas para o time caxiense segurar o resultado que lhe deu a classificação. Final Coruripe 0 x 0 Juventude.

Estadual

No próximo domingo 09, o Coruripe volta ao Gersão para enfrentar o Centro Esportivo Olhodaguense pela terceira rodada do Campeonato Alagoano.

Ficha técnica:

Coruripe: Gustavo; Lázaro, Moisés Potiguar, Eduardo Favero e André Carioca; Jair Amaral, Jonas(Ícaro), Palhinha(Everson) e Bruno Souto; André e Ivan(Clébson)

Técnico: Joécio Barbosa

Juventude: Marcelo Carné; Samuel Santos, Genilson, Edcarlos e Eltinho; João Paulo, Jhon Lennon(Fábio Matos), Pedro Ken e Bruno Alves; Renato Cajá(Reynaldo) e Marciel

Técnico: Marquinhos Santos

Nenhum comentário