Recent

Justiça Eleitoral determina suspensão de divulgação de Pesquisa Eleitoral em Sítio do Quinto-BA

No último domingo, dia 07 de setembro de 2020, foi veiculada nas redes sociais uma pesquisa eleitoral na qual apontava uma significativa porcentagem de intenção de votos do Pré-Candidato a Prefeito pelo PSD-55 Jair Santos, atual prefeito, que busca reeleição, em relação ao Pré-Candidato a Prefeito pelo PSB-40 Itinho do Planalto. Estampando indícios de irregularidade, a mencionada pesquisa foi impugnada/contestada perante a Justiça Eleitoral, e o Juiz Leandro Ferreira de Morais da 051ª Zona Eleitoral, Comarca de Jeremoabo, deferiu pedido liminar feito pelo partido do PSB-40 de Sítio do Quinto, determinado a proibição de divulgação da pesquisa registrada sob o n° BA-07264/2020, sob pena de multa de R$ 5.000,00 (cinco mil reais) por cada divulgação, sem prejuízo de eventual crime de desobediência e sanção eleitoral prevista.

O juiz sinalizou em sua fundamentação que tal situação significa um “desequilíbrio de oportunidades por desvirtuamento de dados”, e ressalta que “é nítido que a divulgação desse dados tem influência sobremaneira sobre o eleitorado, vez que parcela significativa do povo, ainda sem confirmação de juízo crítico, tende a acompanhar a opinião da maioria”, ou seja, o candidato divulga uma pesquisa onde ele aparece disparado na frente do seu concorrente, não importando se as informações são verdadeiras ou não, somente para induzir o povo de que já está ganho, e adquirir os votos dos indecisos que certamente escolherão o candidato que parece está ganho. Tal divulgação pode ser considerado fake news, conduta considerada até crime pela justiça eleitoral, dependendo da gravidade dos fatos apresentados.

Alguns dos fatos que chamam a atenção na mencionada pesquisa impugnada, é que esse mesmo instituto que realizou a pesquisa, teve outras pesquisas de intenção de voto também impugnadas pela justiça eleitoral, como em Cícero Dantas/BA, Adustina/BA e Nossa Senhora do Socorro/SE, dentre outros. Chama atenção também, as informações de quem solicitou a pesquisa, uma empresa denominada CHARLES BRAIAN DA SILVA ALVES - NF COMUNICAÇÃO, localizada em Itapicuru-BA, que fica a 160 Km de Sítio do Quinto, e que pagou R$ 5.000,00 (cinco mil reais) por uma pesquisa em Sítio do Quinto, empresa essa que não possui qualquer vínculo com Sítio do Quinto, mas custeou tal pesquisa, e o primeiro a divulgar a pesquisa foi ninguém menos do que o senhor Prefeito e candidato à reeleição, Jair Santos, em seu Facebook, que excluiu a publicação logo após tomar conhecimento da decisão judicial pelas redes sociais. Tais fatos remetem a outras supostas irregularidades, como a utilização da mencionada empresa como fachada para custear a pesquisa, quando possivelmente o próprio candidato diretamente beneficiado com a divulgação tenha pago de fato pela pesquisa.

Ascom/ PSB - Sítio do Quinto-BA

Nenhum comentário