Recent

Bahia faz três no 1º tempo, vence o Vasco e respira no Brasileiro

A ‘zica’ foi quebrada. Depois de cinco jogos, o Bahia voltou a vencer como mandante no Brasileirão. E olha, foi em grande estilo. Na noite desta quarta-feira (7), o tricolor fez um jogo eficiente, terminou a partida sem levar gols após 13 rodadas e bateu o Vasco por 3×0, no estádio de Pituaçu. 

O placar foi construído ainda no primeiro tempo, com gols de Rossi, Gilberto e Clayson. O triunfo levou o Esquadrão aos 15 pontos no Campeonato Brasileiro, respirando na tabela e abrindo distância da zona de rebaixamento.

O JOGO

Em busca de recuperação no Brasileirão, Mano Menezes voltou a promover mudanças no Bahia. O zagueiro Ernando assumiu a lateral direita, enquanto Daniel retomou a condição de titular e ganhou a função de municiar os jogadores de frente. No ataque, o tricolor voltou a ter a trinca ofensiva, com Rossi, Clayson e Gilberto.

A mexida deixou o Bahia com outra postura e mais eficiente. Com mais posse de bola, o Bahia começou o jogo como esperado: explorando as jogadas pelos lados do campo. Na esquerda, Clayson era um dos mais acionados, tentando partir para cima dos defensores. Quando o camisa 25 acertou, o gol saiu.

Aos nove minutos, Clayson fez a jogada e cruzou para Rossi. O atacante se antecipou ao marcador e tocou na saída de Fernando Miguel, abrindo o placar para o Esquadrão em Pituaçu.

A vantagem deixou o Bahia bem tranquilo no jogo. Pressionando a saída de bola adversária, o tricolor praticamente não era incomodado pelo Vasco, mas também quase não chegava ao ataque. Tanto que após o gol, o tricolor só criou outra boa chance aos 31 minutos. Mas a espera valeu a pena.

Em um dos raros momentos de ataque, Ernando tabelou com Rossi e disparou pela direita. O lateral improvisado passou pelo marcador e cruzou rasteiro para Gilberto. O camisa 9 soltou a bomba e anotou o segundo do Bahia no jogo.  

O gol deixou o Vasco desnorteado.  O terceiro poderia ter saído no lance seguinte. Na escapada pela esquerda, Rossi invadiu a área e tocou para Juninho. Livre, o zagueiro chutou por cima e perdeu chance incrível. Mas não fez falta.

Aos 46 minutos, Yago Pikachu cortou errado e deu um presente para Clayson. Sozinho, o atacante dominou na área e mandou no canto de Fernando Miguel: Bahia 3×0.

Só administrou

Administrando o resultado, o Bahia voltou para o segundo tempo com a clara estratégia de esperar o Vasco e aproveitar os espaços dado pelo adversário.

O time carioca tentou se lançar ao ataque, mas nos primeiros minutos só conseguiu levar perigo em chutes de fora da área.

Para deixar a situação ainda mais confortável para o Bahia, Bruno Gomes parou a tentativa de contra-ataque com falta, recebeu o segundo amarelo e foi expulso, deixando o Vasco um jogador a menos.

Mano Menezes então resolveu colocar sangue novo em campo e jogadores como Fessin, Élber e Ramon foram para o jogo. O tricolor até ensaiou uma certa pressão, mas deixou mesmo o tempo passar comemorou o triunfo na Série A. 

FICHA TÉCNICA
Bahia 3 x 0 Vasco
Campeonato Brasileiro – 14ª rodada

Local: Pituaçu, em Salvador
Data: 07/10/2020 (quarta-feira)
Horário: 19h15
Árbitro: Jean Pierre Gonçalves Lima (RS)
Auxiliares: Lucio Beiersdorf Flor e Andre da Silva Bitencourt (ambos do RS)
VAR: Elmo Alves Resende Cunha (GO), auxiliado por Andrey da Silva E Silva (PA) e Edson Antonio de Sousa (GO).

Cartões amarelos: Gregore, Rossi, Ramon (Bahia) / Bruno Gomes (Vasco)

Cartão vermelho: Bruno Gomes (Vasco)

Gols: Rossi, Gilberto e Clayson (Bahia)

Bahia: Douglas; Ernando, Lucas Fonseca, Juninho e Juninho Capixaba; Gregore (Ramon), Elias e Daniel (Ronaldo); Rossi (Élber), Clayson (Fessin) e Gilberto (Saldanha). Técnico: Mano Menezes.

Vasco: Fernando Miguel; Yago Pikachu, Ricardo Graça, Leandro Castán e Henrique; Bruno Gomes, Fellipe Bastos e Marcos Júnior (Carlinhos) ; Vinícius (Cayo Tenório), Talles Magno (Gabriel Pec) e Germán Cano. Técnico: Ramon Menezes.

Nenhum comentário