#footer Paulo Afonso-BA: Pedro Macário terá que ter capacidade para barrar CPI contra o prefeito Luiz de Deus - REDE CONEXÃO VERDADE - Com você sempre a Frente!

Publicidade

ANUNCIANTES

Paulo Afonso-BA: Pedro Macário terá que ter capacidade para barrar CPI contra o prefeito Luiz de Deus

A Câmara Municipal é um rio de águas turbulentas. Ninguém chega a ocupar suas cadeiras por acaso, não tem nenhum tolo entre os parlamentares que a integram. Os interesses são os mais diversos possíveis, indo do pessoal ao ideológico. Há uma diversidade de pensamentos, de entendimentos e desentendimentos. Exatamente, por isso, não é fácil comandar aquela casa, adonde desaguam os projetos que vêm do governo que, geralmente, são rebatidos pela oposição.

Neste contexto, há que se registrar que, o presidente da Câmara de Paulo Afonso, Pedro Macário Neto (DEM), vem conseguindo um consenso nas votações de interesse do governo desde o seu primeiro mandato. Sua atuação política vem sendo produtiva, porque o governo viu aprovado até os projetos considerados polêmicos, enviados para votação. Não foi por acaso que foi conduzido a um segundo mandato por unanimidade entre situação e oposição.

O prefeito Luiz de Deus (PSD) deve muito à sua atuação nas votações da Câmara. O presidente Macário vinha conduzindo com maestria as sessões legislativas até aquele fatídico episódio em que ainda paira no ar dúvidas sobre propositadamente ou não, ele confundiu a soma dos vereadores presentes na tal sessão, provocando o “empate”, que culminaria com a sua entrada em cena, votando favorável a proposta do colega governista Leco.

Na sessão seguinte, o equivoco foi desfeito e o projeto da líder da oposição Evinha Oliveira (SD) nadou de braçadas prevalecendo a sua proposta de identificar todas as pessoas vacinadas, evitando os famosos “fura-filas”. De lá pra cá o presidente Macário não tem conseguido navegar macio nas águas turbulentas do Legislativo.

A pressão aumenta agora com as “luzes amarelas” acessas. Macário que imaginavam concluir seu mandato em berço esplendido tem pela frente agora a difícil tarefa de evitar a investigação que pode complicar o prefeito Luiz de Deus (PSD), A postura da Câmara mudou após o vereador Marconi Daniel invocar a instalação da CPI.   

Por Luiz Brito DRT/BA 3.913

Nenhum comentário