Publicidade

ANUNCIANTES

Itapemirim cancela voos há menos de duas semanas de estrear na aviação e irrita clientes

Há menos de duas semanas de estrear as decolagens, a empresa aérea Itapemirim, conhecida pela frota de ônibus, cancelou dezenas de voos previstos para o mês de julho. A ação provocou reclamações de clientes que já haviam comprado as passagens.

Em entrevista ao blog O Capital, do jornal O Globo, o novo presidente da companhia, Adalberto Bogsan, tentou justificar os cancelamentos.

“A demanda não veio na medida em que a gente estava esperando. Tivemos que fazer uma readequação para ter um nível de ocupação e oferta condizente com o nosso início pois não podemos começar no prejuízo. Precisamos de uma boa rentabilidade para fazer a empresa virar”, afirmou o executivo.

De acordo com a publicação, a taxa de ocupação dos voos da Itapemirim estaria em 45%, quase metade da média do setor durante a pandemia.

Para compensar a perda, a aérea estaria oferecendo aos passageiros que foram lesados uma passagem grátis de ida e volta para qualquer destino operado pela empresa para ser utilizado em até um ano.

A ITA havia planejado estrear as operações com dez aeronaves, chegando a 50 em um ano. No entanto, começará com apenas quatro.

A nova empresa também sofre um processo de recuperação com uma dívida de mais de R$ 2 bilhões.

Nenhum comentário