Publicidade

ANUNCIANTES

Doria chama Bolsonaro de psicopata e aposta em segundo turno contra Lula

O governador de São Paulo, João Doria (PSDB), acredita que o segundo turno das eleições de 2022 será entre o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) e outro político que não é o atual presidente Jair Bolsonaro (sem partido). Em entrevista ao jornal Valor Econômico, o tucano também chamou o mandatário nacional de 'psicopata'.

“A meu ver, a cada dia que passa o presidente Bolsonaro perde um degrau na escada que poderia conduzi-lo ao segundo turno. O ex-presidente Lula mantém-se equilibrado e numa linha de estabilidade que poderá levá-lo ao segundo turno com outro candidato que não Bolsonaro, e esse outro candidato poderá ser exatamente um candidato da 'melhor via', que seja capaz de dialogar com consistência com outros partidos e trabalhar para um projeto pelo Brasil", disse Doria.

Já ao responder sobre uma possibilidade de retomada da popularidade de Bolsonaro, com a recuperação da economia, o governador de São Paulo foi duro na avaliação e disse que o presidente é um "psicopata, e um psicopata não toma decisões normais, não raciocina com normalidade, não costuma ouvir nem aceitar conselhos, que trabalha por instinto, um instinto belicoso, fracionado, criador de problemas".

Na ótica de Doria, o presidente "cada vez que fala gera uma onda contra ele”. “Bolsonaro é o maior produtor de fatos contra ele. Não estamos diante de um presidente normal, que às vezes erra. Estamos diante de um anormal, que comete sucessivos equívocos. Alguém deve ter dito a ele 'destrua o Brasil'. E ele está destruindo", afirmou.

Nenhum comentário