Publicidade

ANUNCIANTES

MP do Ceará apura se Wesley Safadão foi vacinado em local diferente do agendado por escolher imunizante

A vacinação contra Covid-19 do cantor Wesley Safadão tem sido motivo de polêmica na web. Contudo, a partir de agora, o assunto deixa de ser apenas de interesse dos internautas, e passa também a ser pauta no Ministério Público do Estado do Ceará (MPCE). As informações são do jornal O Globo. Uma nota publicada no site do órgão nesta sexta-feira (9) informa que foi aberta uma investigação sobre uma suspeita de que o cantor, de 32 anos, teria se vacinado em um local diferente do agendado. A especulação é de que o artista tenha comparecido a um outro ponto de vacinação depois de ter escolhido o imunizante que gostaria de receber.

Além disso, também foi instaurado pelo MP-CE um procedimento preliminar de natureza criminal para apurar se a esposa do cantor, a influenciadora digital Thyane Dantas, teria furado a fila da vacinação. “Conforme divulgado nas redes sociais, Thyane recebeu a vacina em Fortaleza nesta quinta-feira (08), aproveitando a ocasião em que o esposo foi vacinado, porém o nome dela não estaria nas listas de agendamento divulgadas pela Prefeitura de Fortaleza", elencou o órgão.

O MP-CE pretende ainda solicitar à Secretaria municipal de Saúde (SMS) detalhes sobre a aplicação da vacina, inclusive da lista de vacinados, do horário de vacinação do casal, bem como de informações a respeito das "sobras" de doses. Além disso, o órgão pretende ter acesso a informações a respeito dos servidores responsáveis pelo preenchimento dos cartões de vacinação e pela aplicação do imunizante.

Apesar de não estar na faixa etária adequada para se vacinar, e não ter realizado agendamento, a mulher do cantor foi vacinada na manhã desta quinta-feira (8), na capital cearense. De acordo com a assessoria de Wesley, Thyane teria tomado uma "dose de sangria", conhecida como "xepa”.

Contudo, segundo a Secretaria municipal de Saúde, a aplicação de uma “dose de sangria” não seria possível antes do fim do expediente da imunização na capital, que ocorre às 17h. Além disso, a pasta ressaltou o fato de a influenciadora não ter sido convocada para a vacinação. Um processo de administrativo chegou a ser instaurado pela secretaria para que sejam apurados os fatos acerca da vacinação da mulher do cantor.

De acordo com o jornal O Globo, Wesley Safadão decidiu não se manifestar sobre o caso.

Nenhum comentário