Publicidade

ANUNCIANTES

Em noite com 3 expulsões, São Paulo vence Vasco em São Januário e avança na Copa do Brasil

Após sair vitoriosa no jogo de ida no estádio do Morumbi, pelo placar de 2 a 0(Gols de Pablo e Rigoni), a equipe do São Paulo foi ao Rio de Janeiro enfrentar o Vasco da Gama, buscando carimbar a classificação.

Apesar do momento complicado vivido pela equipe cruzmaltina, que atualmente ocupa a 10° colocação no Campeonato Brasileiro Série B, e recentemente contratou o técnico Lisca (vindo de um bom trabalho não passado no América-MG), o time do técnico Hernan Crespo encontrou dificuldades no início da partida contra o Vasco. Os cariocas, inclusive, marcaram o primeiro gol da partida com o atacante argentino Germán Cano, porém, o árbitro Anderso Daronco anulou o gol com o auxílio do VAR. O VAR, também, foi protagonista no evento seguinte da partida, onde o atacante vascaíno Léo Jabá, que havia recebido o cartão amarelo por falta feita no lateral Reinaldo, acabou sendo expulso após Daronco reavaliar sua decisão com auxílio do VAR.

O que já era complicado para o Vasco, ficou ainda mais após o gol do atacante são paulino Emanuel Rigoni na metade do 1° tempo, após falha do zagueiro Ernando e cruzamento perfeito do lateral Orejuela, que deixou limpo para Rigoni empurrar de cabeça para os fundos da rede.

Na segunda etapa, foi a vez de valer a lei do ex. Em jogada trabalhada pelo atacante Pablo, que ajeitou com o peito e um belíssimo passe, o meio campista Benítez, ex jogador do Vasco, acertou um belo chute que desviou no zagueiro Castán e não deu chances para o goleiro Vanderlei defender. 2 a 0 para o São Paulo.

Pablo ainda perdeu uma grande chance em jogada rápida trabalhada pelo lado esquerdo. Além disso o São Paulo perdeu o lesionado William, que foi substituído pelo volante Liziero, que azaradamente marcou um gol contra após jogada trabalhada entre Sarrafiore e Zeca na segunda metade da 2°etapa. Ainda sobrou tempo para outra expulsão do lado vascaíno. O capitão Leandro Castán, que era o último homem de defesa, derrubou o atacante Pablo próximo à área e recebeu cartão vermelho direto, deixando o Vasco com mais um jogador a menos. A última expulsão da partida foi para o técnico Lisca, que levou a tarjeta vermelha nós últimos minutos de jogo, devido reclamações à polêmica arbitragem da noite.

No fim, o placar apontou 4 a 1 para o São Paulo no placar agregado. O time do Morumbi aguarda agora sorteio, que será realizado nesta sexta-feira (06/08), para descobrir o adversário nas quartas de final.

Nenhum comentário