Publicidade

ANUNCIANTES

https://www.edenevaldoalves.com.br/wp-content/uploads/2021/12/banner_900x100px_mais_luz.gif

Empresário compra R$ 76 mil de jogos da Mega da Virada com cheques “sem fundo” e vira réu no Ceará

Um empresário, acusado de aplicar golpes em estados do Nordeste, comprou R$ 76 mil de jogos da Mega-Sena da Virada com cheques “sem fundo” e virou réu no Ceará. Ele é do estado de Minas Gerais e foi identificado como Nery Pereira Nicolau Júniuor, de 53 anos.

Ele virou réu na Justiça do Ceará por estelionato, após a compra dos jogos da Mega da Virada em uma casa lotérica de Fortaleza, capital do Ceará, e ter utilizado cheques sem compensação financeira, ou seja, “sem fundo”.

A denúncia partiu do Ministério Público do Ceará (MPCE) para a 10ª Vara Criminal de Fortaleza, no dia 6 de dezembro. No entanto, a juíza que está com o inquérito ainda não decidiu sobre a prisão preventiva do acusado por preferir aguardar a citação formal do réu e pela resposta à acusação da defesa. A prisão foi pedida pelo promotor de Justiça e pela Polícia Civil do Ceará (PCCE).

Compra em 2020

De acordo com a denúncia do MPCE, Nery Pereira Júnior esteve na Lotérica Aldeota, no bairro de mesmo nome, em dezembro de 2020, para comprar diversos jogos da Mega da Virada de 2020/2021. Os jogos foram pagos com dois cheques de R$ 38 mil cada um, com um total de R$ 76 mil.

Nenhum comentário