Publicidade

ANUNCIANTES

https://www.edenevaldoalves.com.br/wp-content/uploads/2021/12/banner_900x100px_mais_luz.gif

Ex-capa da Playboy tenta seduzir policiais para evitar ser presa, mas termina detida seminua


Alvo de uma operação policial que desmantelou um esquema de tráfico de drogas, Pâmela Pantera, voltou a ser presa. Flávia Tamayo, mais conhecida pelo apelido e pelo corpão que já estampou capas de revistas eróticas, foi detida quando andava seminua na garupa de uma moto, no município de Presidente Prudente, São Paulo.

 

Durante uma abordagem de rotina, policiais militares detectaram, após consulta ao sistema, que Pantera tinha um mandado de prisão em aberto por tráfico de drogas. Para tentar escapar da prisão, a garota de programa de luxo teria tentado seduzir os PMs, mas sem sucesso.

Ela foi apontada pela Polícia Civil do Distrito Federal (PCDF) como integrante de uma organização criminosa composta por garotas de programa que atuam na capital federal. O bando era especializado em comprar, vender e distribuir entorpecentes, principalmente drogas sintéticas e cocaína, a clientes de alto poder aquisitivo.

Nenhum comentário