Publicidade

ANUNCIANTES

https://www.edenevaldoalves.com.br/wp-content/uploads/2021/12/banner_900x100px_mais_luz.gif

Para se vingar do amante da esposa, homem faz mulher do “rival” refém

Uma jovem, de 24 anos, foi feita refém por dois homens e deixada amarrada pelas mãos, pés e pescoço junto à própria cama em sua residência nesta quinta-feira (09). Um dos bandidos, supostamente, seria o marido da mulher com quem o esposo da jovem, de 34 anos, estava tendo um caso.

Ele sequestrou a vítima para tentar se vingar do amante da sua mulher. A jovem foi presa pela dupla logo após chegar em sua residência. Ela contou que viu um veículo preto nas proximidades de sua casa e assim que entrou foi surpreendida por dois homens. Um deles estava armado com um revólver de pequeno porte.

Os criminosos obrigaram a jovem a se ajoelhar e tamparam a sua boca com uma fita crepe. Em seguida, ela foi amarrada pelos pés, mãos e pescoço com uma extensão e ameaçada. “Isso é só um aviso, isso é para seu marido aprender pelo que ele fez, isso é pra ensinar seu marido pelo que ele fez”, teria dito um dos criminosos.

A vítima foi mantida em cárcere privado pela dupla por aproximadamente quarenta minutos, até que o telefone celular de um deles tocou e eles foram embora. Quem encontrou a jovem amarrada foi um amigo, de 26 anos. Ao chegar no endereço, ele encontrou o portão aberto e ouviu a vítima tentando gritar, amordaçada. A Polícia Militar chegou a ir no local, mas assustada, a mulher não quis registrar a ocorrência num primeiro momento. Contudo, foi convencida pelos investigadores que registraram a ocorrência repassada pelos policiais militares.

Ela foi até a delegacia e também passou por exame de corpo de delito, já que tinha hematomas nas mãos e pernas, por conta do fio usado para prendê-la. O esposo da vítima também foi ouvido pela polícia. Em depoimento, ele contou que já estava sendo ameaçado pelo homem e, inclusive, mostrou três prints das ameaças enviadas pelo suspeito pelo Facebook. O desconhecido afirmava que estava sendo traído pela esposa com o marido da jovem mantida refém.

O caso foi registrado na delegacia da cidade como ameaça, sequestro e cárcere privado. Mas a dupla ainda não foi localizada pela polícia.

Nenhum comentário